Aula e empatia

– Parabéns pela aula. Você tem segurança, domínio e sabe como conduzir a turma. Boa a sua técnica de decorar os nomes das pessoas. Isso é intimista e agrada sempre.

Recebi hoje este e-mail, o aluno esteve na palestra “Excel como você NUNCA viu!” realizada há alguns dias. Este evento foi realmente muito especial, e por vários motivos. Primeiro, pelo grupo, que se conhece há mais de 20 anos – se minha memória não falha. Veja que interessante, todos trabalhavam em uma mesma empresa, hoje cada um está em outra atividade, mas continuam se encontrando. E há mais 20 anos! Não é mesmo um grupo diferente? Eu tinha que participar!

Segundo, pela motivação. A palestra de três horas aconteceu em uma noite de terça-feira, depois de um dia inteiro de trabalho intenso de cada um. Estava preocupado, eu precisava manter a atenção de todos o tempo todo. Felizmente, nem precisei me esforçar, eles tinham um objetivo, foram lá para me ouvir – e ouviram! Insisto, não é mesmo um grupo especial?

Terceiro, pela interação. O pessoal participou ativamente de todos os momentos, perguntando, comentando e brincando. Não consigo esquecer a reação deles quando mostrei como trabalhar com CÉLULAS NOMEADAS no Excel, eles gostaram muito. Realmente, criar fórmulas usando células com nomes é um PODEROSO recurso do Excel. E quando falei então das mais variadas formas de usar a função PROCV (VLOOKUP em inglês)? Uma pessoa até pediu para eu repetir o exemplo, ela gostou tanto que queria anotar tudo com muito cuidado.

A propósito, se você que lê este artigo quiser uma explicação detalhada sobre nomes em células e as várias utilizações da função PROCV, é só solicitar por e-mail e eu envio um guia passo a passo.

E um quarto motivo por a palestra ter sido tão especial foi a EMPATIA. Muito bom um dos participantes ter notado que chamar os alunos pelo nome agrada sempre e dá um tom intimista à aula – um ambiente essencial para o aprendizado. Sempre digo que em uma aula não basta o conhecimento, não basta a forma de apresentar os conceitos, é preciso TOCAR o aluno, é preciso motivá-lo, ele precisa QUERER estar na aula.

Bom, com esta turma foi fácil, eles estavam muito motivados – a empatia só reforçou o bom clima. É por isso que a palestra foi um sucesso!

Fernando Andrade
www.pessoasetecnologia.com.br
(11) 9943-4909, 3214-0519